Questão X: André Esteves é o salvador de Eike Batista?

No dia 24/03/2013 saiu duas matérias bem interessantes no caderno de Economia & Negócios do Estadão, páginas B1 e B4 sobre “André Esteves + Eike Batista” ou “André Esteves x Eike Batista” ou “Eike Batista – André Esteves”, como preferirem interpretar.

As chamadas das matérias são:

  • André Esteves, sócio e presidente do BTG Pactual: “É natural que a participação do Eike nas empresas caia de 60% para 30%”.
  • André Esteves, sócio e presidente do BTG Pactual: “O BTG Pactual atua como um BNDES privado”.

Fica aquela questão sempre na mente: o André Esteves veio fazer obra de caridade para deixar o Eike Batista, empresário bom de marketing, e só, continuar sonhando em ser o homem mais rico do planeta, ou ele quer mesmo, como bom caçador de pechinchas, bom abutre que é, comprar as empresas do grupo EBX a preço de banana?

Enfim, leiam e tirem suas próprias conclusões. Possivelmente em algum tempo esta matéria também seja replicada no portal do Estadão na internet.

Leiam também:

BTG Pactual: o voo do abutre
O banco BTG Pactual, de André Esteves, vem intensificando sua atuação como abutre, denominação oriunda do mercado americano para investidores que compram empresas problemáticas a baixo preço – lá eles são chamados vultures.

Até o próximo post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA *