Manual de Introdução à Análise Técnica

Para quem opera na bolsa de valores, principalmente especulando no curto prazo, jamais pode esquecer disto:

A tendência é sua amiga (The trend is your friend) !!!

Abaixo é explicado como traçar tais linhas de tendências para operar no mercado e o que elas sinalizam aos investidores.

Na AT(Análise Técnica), existem basicamente dois tipos de linhas de tendência (LTs) que podem ser traçadas nos gráficos: a Linha de Tendência de Alta (LTA) e a Linha de Tendência de Baixa (LTB).

Para traçar uma linha de tendência de alta, basta ligar os “fundos”, os pontos mais baixos de um gráfico, para evidenciar a tendência de alta conforme demonstrado na imagem abaixo:

linha de tendência de alta

No caso da linha de tendência de baixa, é necessário ligar os “topos”, os pontos mais elevados do gráfico, para formar a tendência de baixa, conforme mostra a figura:

linha de tendência de baixa

Quem está iniciando agora no mercado de ações ou até mesmo traders experientes tem dúvidas sobre como traçar corretamente essas linhas de tendência nos gráficos das ações. Para minimizar esse problema, o analista sugere a aplicação de três regras. A linha deve ser traçada tocando as máximas/mínimas dos candles e não pelo meio dos corpos. No entanto, podemos usar o bom senso, de maneira que consigamos unir o máximo de topos ou fundos ao traçar uma linha de tendências.

Além disso, os investidores deveriam operar linhas de tendências que tenham mais toques e maior duração, pois isso significa que elas representam tendências mais consistentes. A terceira dica é buscar linhas de tendências com inclinação próxima a 45 graus. “Isso permite que a ação faça correções sem que ocorra facilmente o seu rompimento. Quanto maior for a inclinação das LTs, mais forte tende a ser a tendência do ativo, portanto LTs muito íngremes não são boas de serem operadas”, alerta.

Um exemplo de uma boa LTA é o gráfico diário das units do Santander (SANB11). Graminhani observa que a LTA traçada atende às três características. É uma LTA de longa duração, iniciada em janeiro de 2016, tem 4 toques e inclinação próxima a 45º graus.

LTA de longa duração

Uma recomendação é fazer compras a cada toque nessa linha de tendência de alta. Desde que começou essa LTA até o momento, entre janeiro de 2016 e fevereiro de 2017, o ativo já subiu mais de 200%. Enquanto os candles continuarem respeitando essa linha o trader pode manter a posição no ativo. Já o seu rompimento pode sinalizar uma reversão de tendência”, diz o analista da XP.
fonte de consulta: infomoney.com.br/mercados/analise-tecnica/noticia/6182869/the-trend-your-friend-como-usar-linhas-tendencias-para-operar

Plataformas de Análise Técnica